Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.4/1197
Título: Avaliação a médio prazo da reconstrução do ligamento cruzado anterior: osso-tendão-osso versus semi-tendinoso gracilis
Autor: Oliveira, JP
Ângelo, S
Fonseca, F
Palavras-chave: Ligamento Cruzado Anterior
Procedimentos Cirúrgicos Ortopédicos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Data: 2011
Citação: In: XXXI Congresso Nacional de Ortopedia e Traumatologia; 2011 Outubro 19-21; Estoril. Estoril: Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia ; 2011
Resumo: Para o êxito da reconstrução do LCA contribuem factores tão diversos como técnica cirúrgica, posicionamento dos túneis, meios de fixação e tipo de plastia entre outros. Durante muito tempo a utilização da plastia osso-tendão-osso (OTO) foi o padrão, mas o recurso a plastia dos tendões do semi-tendinoso e gracilis (ST-G) têm mostrado grande valia, embora o consenso esteja longe de ser encontrado. Neste trabalho pretendeu-se avaliar, a médio prazo, os resultados funcionais da reconstrução do LCA com enxerto OTO e ST-G, numa população que não pratica desporto de competição. No estudo efectuado, a gaveta anterior foi negativo em 91,4% OTO versus 100% ST-G; a manobra de Trillat-Lachman foi negativa em 82,9% OTO versus 74,3% ST-G, verificou-se uma maior laxidez no grupo ST-G, "mole" em 17,1% ST-G (0%OTO). A escala funcional de Lysholm foi de 95,7 no grupo OTO e 97,2 no ST-G. A escala IKDC englobou no grupo A: 51,4% dos casos OTO e 57,1% dos ST-G; no grupo B: 48,6% OTO e 25,7% ST-G; no grupo C: 17,1% ST-G e 0% OTO. A manutenção do nível de actividade (aferido pela escala de Tegner) foi de 94,3% no grupo OTO e de 97,1% no ST-G. 17,1% dos doentes do grupo OTO referiram dor na região anterior do joelho (0% ST-G). Apesar de retrospectivo o trabalho permite comparar grupos idênticos, tratados e seguidos por um único cirurgião. No essencial os dados obtidos confirmam os bons resultados de ambas as plastias, sem factores de diferença entre elas, excepção feita à maior incidência de dor anterior do joelho que pode constituir um factor limitativo.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.4/1197
Aparece nas colecções:ORT - Comunicações e Conferências

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LCA.pdf2,84 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.